Projeto Erasmus + KA229-065961_3 “THINK GLOBAL, ACT LOCAL ACROSS EUROPE” Intercâmbio de Boas práticas Mobilidade C3 (Intercâmbio de alunos)

A escola EB23 Caniço esteve, recentemente, representada na Finlândia com 4 alunos das turmas 1, 4 e 5 do 6.º ano e 3 professores: o Presidente do Conselho Executivo, professor Armando Morgado, a coordenadora do projeto, professora Maria dos Anjos e o professor cooperante, Carlos Vieira.

A atividade, no âmbito do novo projeto Erasmus+ “Think Global, Act Local Across Europe”, decorreu entre os dias 7 e 11 de maio, na escola Zachariasskolan, na cidade de Nykarleby e envolveu alunos e professores de 6 países (Portugal, Irlanda, Polónia, Turquia, Finlândia e Hungria) num total de cerca de 50 participantes.

Após a cerimónia de boas-vindas, todas a escolas fizeram uma apresentação breve das suas escolas e regiões, focando características da sua Natureza e o que é feito nas suas cidades e países no que diz respeito à recolha, seleção e reciclagem do lixo.

O trabalho desta mobilidade tinha como foco principal a higiene pessoal e o cuidado a ter com a Natureza, sendo que os participantes foram sensibilizados para a importância do uso de produtos de higiene ecológicos em prol da mesma, através do workshop de criação de bálsamos naturais para os lábios, entre outros produtos e da visita a uma central de reciclagem de lixo “Ekorost” em Jakobstad. Os envolvidos puderam constatar o excelente nível deste país na reciclagem de todo o tipo de materiais, bem como conhecer novos produtos criados a partir de alguns deles. Tiveram como exemplo as Golas multiusos de running feitas de garrafas de água recicladas e oferecidas a todos os participantes.

As visitas guiadas ao Museu do Urso Polar “Nanoq Artic Museum” e ao “World Heritage Gateway Kvarken Archipelago”, constituíram momentos altos da visita a esta parte da Finlândia, em que o primeiro é fruto inteiramente de voluntariado e o segundo é onde se encontram traços da idade do gelo e onde a terra continua a emergir do mar báltico.  

Na parte lúdica, o destaque vai para a praia de areia fäboda e para o “Zip Adventure Park”, espaço em plena natureza, com infraestruturas que proporcionam muitas aventuras como diversos graus de dificuldade para trepar às árvores, pentatlo, minigolfe e trilhos de caminhada pela bela floresta.  

Foram dias muito intensos numa escola que faz jus à notoriedade deste País na Educação, onde só há ensino público e um grande investimento é feito neste sector.

Desde o mobiliário, à arquitetura dos edifícios, ao isolamento acústico, aos espaços circundantes, à alimentação gratuita para todos, à biblioteca, à sala de professores, ao refeitório, às oficinas de costura, de mecânica, de eletrotecnia, … tudo é pensado ao pormenor para funcionar de forma prática.

A Zachariasskolan é uma escola exemplar, com um nível muito avançado, que fascinou todos os que tiveram a oportunidade de visitá-la, deixando recordações para sempre a todas as comitivas.

Curiosidades:

– A cultura sueca está muito enraizada nesta região que tem como língua oficial o sueco;

– Ouvimos da parte de alguns professores Finlandeses que, embora este País tenha estado à frente nos rankings da Educação, aplica muitos dos modelos suecos, por considerarem o povo sueco muito mais criativo que o povo finlandês.

Nykarleby é a terra Natal da escritora Tove Jansson, criadora das histórias clássicas do Vale dos Mumins e de Zacharias Topelius, grande escritor, poeta e jornalista finlandês.

A Coordenadora do projeto Maria dos Anjos

Os comentários estão fechados.

WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: