Semana Promocional da Hidratação

Na semana de 14 a 18 de março, no âmbito do projeto RBES, decorreu no Bar dos alunos a Semana Promocional da Hidratação.

A água é o principal constituinte do corpo humano e na vida adulta, a água corresponde aproximadamente a 60% do peso corporal de um indivíduo, mas à nascença, esta chega a representar 75% do peso corporal de um recém-nascido. Pelo facto de ser o principal constituinte do corpo humano, a água é essencial à vida e está envolvida em praticamente todas as funções do organismo como, por exemplo, na regulação da temperatura corporal, na eliminação de resíduos (através da urina e da prevenção da obstipação) e também no processo digestivo. Além disso, ainda é promotora de um bom desempenho físico e intelectual.

Sendo assim, como o corpo não produz água e o organismo a perde ao longo do dia, o consumo de água deve ser frequente, pois a mesma terá que ser reposta para que o organismo funcione regularmente, processo chamado de hidratação.

Os valores de referência para a ingestão diária de água ou de chás e infusões sem açúcar para adolescentes e adultos saudáveis é de 2L /dia.

Para além do consumo direto de água ou de infusões com a finalidade de hidratar o nosso organismo, a água também pode ser obtida através dos alimentos que ingerimos como os hortofrutícolas, em que a quantidade de água ultrapassa 90% da sua composição (como é o caso da melancia e do pepino), a sopa e também os sumos naturais, o leite, as bebidas vegetais e os iogurtes. Na verdade, praticamente todos os alimentos contêm água na sua composição e é por essa razão que ela se encontra no centro da Roda dos Alimentos.

A desidratação ocorre quando o consumo de água de um indivíduo está abaixo das suas necessidades hídricas. Estas necessidades variam de pessoa para pessoa tendo em conta o género, idade, estado de saúde, nível de atividade física, e claro a temperatura do ambiente em que se encontra.

A sensação de sede é o principal sintoma de desidratação. Quando um indivíduo está com sede significa que já está a entrar num estado que poderá levar à desidratação. Por esta razão deve-se ingerir líquidos diariamente, mesmo não se tendo sede, pois a sensação de sede deve ser evitada.

Uma hidratação insuficiente pode ainda ter consequências como: 

  • Alterações a nível cognitivo (menor capacidade de concentração e de retenção da informação); 
  • Alterações do humor (irritabilidade e mal-estar); 
  • Mucosas secas (lábios e boca seca, com saliva viscosa); 
  • Diminuição da disponibilidade para a prática de atividade física (cansaço e fraqueza generalizados, por vezes, com tonturas).

Por todas as razões acabadas de referir, com a implementação da Semana Promocional da Hidratação pretendeu-se promover a hidratação dos nossos alunos através de águas aromatizadas com limão e hortelã, na segunda-feira; abacaxi na terça-feira; laranja e pepino, na quarta-feira; funcho na quinta-feira e com laranja, limão e pepino, na sexta-feira. Em alternativa às águas aromatizadas também foram disponibilizados chás ou infusões, em que algumas das ervas aromáticas utilizadas são cultivadas na nossa escola.

Coordenadores do projeto RBES.

Os comentários estão fechados.

Website Built with WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: